domingo, 15 de fevereiro de 2009

Psicologias? Quais são elas?

Num (já) antigo Post, comentei as diferenças entre Psiquiatria, Psicologia e Psicanálise. Ainda nesse, disse que haviam várias Psicologias, e cada uma delas entende o paciente de formas diferentes.

simbolo_psicologia_01A maioria dos Psicólogos defende que qualquer Psicologia é adequada para qualquer paciente, e todas possuem o mesmo potencial de cura. Eu, particularmente, não tenho certeza disso e, por isso, penso que as pessoas deveriam conhecer essas diferenças na hora de procurar um Psicólogo.

Vejamos brevemente algumas das Psicologias:

- Psicologia Comportamental ou Behaviorista

É uma das vertentes psicológicas mais antigas. Procurou se enquadrar no Método Científico Laboratorial Positivista e Empírico e tem como Objeto de Estudo o Comportamento.

Bastante restritiva em seus estudos, possui uma visão mais Mecanicista do Homem e não considera os Processos Mentais dos indivíduos. Tem como axioma as teorias de Estímulo-Resposta e os Condicionamentos do Comportamento (lembrem-se do cachorro de Pavlov).

Principais Fundadores: John B. Watson (Behaviorismo) e Burrhus Frederic Skinner (Behaviorismo Radical).

- Psicologia Comportamental-Cognitiva.

Esta é uma das Psicologias mais recentes e mais comuns nos dias de hoje. Tem suas origens na Psicologia Comportamental, porém considerando, agora, Processos Mentais nos indivíduos.

Também procura seguir o Modelo Científico e por isso estuda os processos mentais de forma objetiva, focalizando comportamentos específicos.

Principal Fundador: Aaron Beck.

- Psicologia Gestalt

Surgiu como crítica a Psicologia Comportamental, pois refuta a fragmentação do homem. Foi influenciada pela Filosofia Existencial/Fenomenológica e procura compreender o homem como uma totalidade. Estuda os Processos Perceptivos e a Experiência do Homem.

Gestalt, em alemão, significa: Forma, Figura, Vulto. Transmite a idéia de que a Totalidade de um Objeto é diferente da soma de suas partes.

Principais Fundadores: Max Wertheimmer, Kurt Koffka, Wolfgang Köhler e Kurt Lewin.

- Psicanálise

A Psicanálise é um complexo teórico, um método e uma prática. Por todas as suas especificidades tem um lugar distinto entre as Psicologias, se diferenciando dessas. Sendo assim, dentro da Psicanálise também surgiram ramificações que num futuro post poderei comentar.

Ao contrário das Psicologias, incluiu os Processos Mentais Inconscientes, Fantasias, Sonhos, Esquecimentos (e outros) como questões a serem estudadas e respondidas.

Principal Fundador: Sigmund Freud.

- Psicologia Analítica ou Psicologia Junguiana

Foi criada por Jung quando esse se afastou de Freud e da Psicanálise por discordar de alguns conceitos estabelecidos (Libido, Traumas Sexuais e outros). Porém ainda compartilha de muitos conceitos Freudianos e Psicanalíticos, mas possui outros, também bastante importantes, como: Arquétipos, Inconsciente Coletivo, Complexos, Ego e Persona, os Tipos Psicológicos e, Introversão e Extroversão.

Principal Fundador: Carl Gustav Jung.

- Psicologia Daseinsanalisyse

Essa Psicologia está intimamente relacionada à Filosofia Existencialista/Fenomenológica. É a aplicação prática de conceitos filosóficos a respeito do Ser. É conhecida também como: Psicologia Existencialista/Fenomenológica. Tem uma visão ampla sobre as questões existenciais do Ser.

Dasein, em alemão: Existência.

Pricipais Fundadores: Ludwig Binswanger, Merdad Boss e Martin Heidegger.

- Terapia Centrada na Pessoa

Inspirada pelo Humanismo e pelos Movimentos Sociais da Década de 60 nos EUA, valoriza o Ser Humano e suas potencialidades positivas. Possui uma abordagem mais Romantica do Ser Humano, e, tem como uma de suas máximas: O Ser Humano é bom e tende à saúde.

Principal Fundador: Carl Rogers.

Psicologia Corporal e Análise Bionergética

Procura trabalhar mente e corpo associando a terapia com alguns exercícios físicos. Procura liberar tensões do corpo e a respiração. Pensa a mente afetando o corpo e o corpo afetando a mente.

As memórias, emoções, traumas, crenças e etc são colocadas no corpo influenciando em seu fluxo de energia (?) e consequentemente sua vida.

Principal Fundador: Wilhelm Reich.

Psicologia Transpessoal

Surgiu com os movimentos New Age nos EUA na década de 60, sofreu influências do Humanismo, do Misticismo, de Religiões Orientais, da Psicanálise, da Psicologia Analítica, Bioenergética e outras. Acredita que o Ser Humano precisa transcender sua Psiquê conectando-se a outras realidades e, procurar pela Verdade para entender sua existência.

Essa psicologia não é reconhecida pelo Concelho Federal de Psicologia como uma Prática Psicoterápica.

Principal Fundador: Abrahan Maslow.

-------------------------------------------------------------------

Concluindo

Eclipse solar São muitas as psicologias, e essas citadas são apenas algumas, existem outras. Isso porque não citei as muitas “terapias alternativas” (“alternativo” que muitas vezes significa charlatanismo) e as abordagens de terapia em grupo. Evidentemente, esse post procura apenas salientar algumas diferenças entre as abordagens psicológicas, melhores informações deverão ser buscadas.

Um bom tratamento psicológico depende da confiança e crença do paciente em seu tratamento (além, é claro, da formação e experiência profissional do terapeuta) e, se as técnicas que seu psicólogo aplica não são coerentes com suas crenças e convicções, que conquistas o tratamento pode trazer? Éticamente o Psicólogo também não pode querer mudar certas crenças e tradições do paciente.

É uma situação complicada, pois o paciente também precisa estabelecer um relação com o Psicólogo e vivenciar seu tratamento para obter uma opinião sobre isso.

Por isso, quando se ouve alguém falando mal do psicólogo que procurou, talvez esse só não tenha sido o mais adequado para aquela pessoa. Ou talvez sim!

2 comentários:

Anônimo disse...

Ótimo post amigo, bem resumido !

Nei disse...

Sua descrição sobre a psicologia comportamental está completamente equivocada.

Postar um comentário